Seu navegador não suporta ou está com o JavaScrip desabilitado, por conta disso, pode ocorrer falhas nesse site.

Como construir escritórios inteligentes em aeroportos

escritórios inteligentes em aeroportos

Em fevereiro de 2017 foi registrado um crescimento de 4,8% no tráfego aéreo de passageiros em todo o mundo. Só no Brasil, o movimento de passageiros nos aeroportos teve um aumento de 2,17%, crescendo pelo terceiro mês seguido este ano.

Para acompanhar esse crescimento, os espaços dentro dos aeroportos precisam oferecer qualidade e produtividade aos trabalhadores que fazem essa engrenagem rodar. É por isso que tanto se fala da construção de escritório inteligentes em aeroportos.

Mas o que são e como eles podem trazer mais valor ao trabalho dentro dos espaços aeroviários?

O que são os escritórios inteligentes (e por que são importantes para aeroportos)

Escritórios inteligentes são espaços que buscam agregar, dentro do mesmo ambiente de trabalho:

• Tecnologia: o número de dados que são gerados atualmente pela internet é incalculável e usar insights a partir dessas informações sobre as necessidades das pessoas, em combinação com novas tecnologias, pode ajudar a apoiar e liberar todo o potencial da força de trabalho;
• Eficiência: a busca pelo aumento da produtividade e eficiência também é uma característica da evolução dos processos de trabalho. Com isso, os escritórios inteligentes buscam cumprir todas as suas funções, garantindo a segurança dos profissionais dentro dele;
• Mobilidade: outro ponto fundamental, principalmente quando pensamos nos hangares de aeroportos, é a crescente busca por espaços “móveis”, que se adaptam às necessidades atuais dos serviços a serem realizados.

A estrutura de escritórios modulares é feita de forma a ser relocável, durável e com capacidade para atender todas as necessidades dos usuários.

Os edifícios são projetados para funcionalidade, conforto e design moderno. As grandes salas abertas ou áreas setorizadas são projetadas e produzidas para os profissionais e equipamentos que serão empregados; são flexíveis no design para mudanças sempre que necessárias.

A construção de escritórios inteligentes em aeroportos

Um escritório não é realmente inteligente até que todas as suas partes, desde a tecnologia até os serviços, suportem plenamente todos e cada um dos indivíduos que trabalham lá.

São os funcionários que devem ser apoiados no escritório e todas as partes, de processos até serviços, precisam estar no local para que o possa apoiar plenamente os trabalhos. Um escritório inteligente em aeroportos é construído:

• centrado em torno das pessoas que trabalham lá. O que os atrai e os motiva, o que eles precisam para poder ter o melhor desempenho;
• com base nas atividades que precisam ser realizadas no escritório. Onde e como essas atividades são melhor realizadas;
• desenhado para a flexibilidade. Flexível na forma como é acessível e usado todos os dias, estando aberto a mudanças e inovações ao longo do tempo;
ativado por tecnologia que suporta de forma eficiente as formas necessárias de planejamento e execução de trabalho;
melhorado pelos serviços prestados tanto em função, conveniência e experiência;
• sustentável de todas as formas possíveis equilibrando aspectos econômicos, ambientais e sociais.

Uma solução eficiente para atender todos esses requisitos e construir escritórios inteligentes em aeroportos é a construção modular. Ao contrário das práticas tradicionais que usam alvenaria e um processo complexo de obras, os prédios modulares são montados em um ambiente controlado, externo ao local de construção.

Por se tratar de edifícios pré-fabricados, ganha-se em agilidade na obra e em mobilidade na construção, que pode ser facilmente rearranjada. Especialmente nos espaços dos aeroportos, que precisam acompanhar a crescente demanda com a mesma velocidade, este é um grande diferencial.

Conheça as soluções da Modularis e descubra como podemos te ajudar a construir escritórios inteligentes em aeroportos!